Diablo III deve surpreender com o lançamento do patch 2.3.0


 Apesar de Diablo III estar ausente do espaço ocupado pela Blizzard na Gamescom deste ano, o jogo está longe de ter sido abandonado pela empresa. A maior prova disso é o vindouro Patch 2.3.0, que promete trazer algumas das maiores mudanças da história do jogo, introduzindo itens e mecânicas que vão alterar a maneira como você joga e avança pelos diferentes atos e missões.
 Para descobrir mais detalhes sobre as novidades que esperam o jogador, conversei com o Designer de Níveis Sênior Matthew Berger, parte do time responsável pelo desenvolvimento do RPG. Além de explicar um pouco sobre as novas mecânicas, ele esclareceu quais os motivos que levaram o estúdio a investir em determinadas alterações.
Matthew Berger
 Entre as principais novidades do patch 2.3.0 está a introdução do item Cubo de Kanai, que representa uma espécie de volta de uma das mecânicas mais consagradas de Diablo 2: o Horadric Cube. As receitas associadas ao novo item vão se provar bastante valiosas, pois não somente vão permitir a criação de equipamentos poderosos, como possibilitam atribuir mais habilidades especiais a seu personagem.

Sobre o Cubo de Kanai

Baixaki Jogos: Parece que o Cubo de Kanai vai ser algo que deve mudar o game completamente. Você pode explicar como o item funciona?
Berger: Ele é uma parte incrivelmente grande do novo patch e é muito interessante porque ele toca em muitos elementos diferentes. Sempre que pensamos em uma nova ideia para o jogo, muitas vezes tentamos integrá-la a maior quantidade possível de sistemas e o Cubo de Kanai é um exemplo muito bom disso.


 As pessoas se lembram do Horadric Cube com muito carinho em Diablo, todas as coisas legais que você podia fazer com ele. Nossa comunidade sempre teve o desejo de trazer isso de volta. Encontramos uma forma de trazer isso para nosso game que fazia sentido e que não repetia o que fizemos antes, que traz algo novo.
 O jeito como o Cubo de Kanai funciona é através de uma seleção de receitas que você pode fazer, algumas delas extremamente poderosas que realmente impactam o jogo e outras que se focam mais na qualidade da experiência. Uma das que vai ser mais excitantes é a possibilidade de pegar um item lendário, colocá-lo no cubo com uma série de outros elementos e ele vai destruir o equipamento, mas adicionar seu poder a uma página de coleção.
 Então você vai poder ter esse poder à disposição para sempre. Em seu personagem, você vai poder atribuir três poderes: um de arma, um de armadura e um de joias. Então você pode utilizar três poderes lendários além daqueles que já são atribuídos por seus equipamentos.

Novos equipamentos e receitas

 Berger também explica que o Cubo de Kanai vai oferecer receitas que possibilitam transformar itens lendários em equipamentos semelhantes da mesma qualidade. Com isso, jogadores insatisfeitos com as estatísticas ou com os encantamentos de um equipamento podem tentar remodelá-lo de forma mais satisfatória.
 Outra mudança significativa trazida pela novidade é o fato de que ela vai tornar mais fácil completar conjuntos. Caso você tenha todas as peças de um set, mas falte a você as botas dele, por exemplo, poderá transformar itens repetidos (do mesmo conjunto) naquele que falta para completar a coleção.
 A Blizzard também simplificou o processo de criação de itens ao remover alguns elementos necessários para isso e ao fazer uma “limpeza” nas opções disponíveis anteriormente. O objetivo é estimular o uso do sistema, fazendo com que o jogador realmente sinta que os itens criados através dele possuem uma verdadeira utilidade.
 “Havia receitas demais, às vezes você podia fazer a escolha errada com certos itens que sempre eram melhores que outros. Algumas receitas exigiam tantos itens de criação que era difícil criar itens conforme o jogador subia de nível, então decidimos dar um passo para trás e olhar ao sistema de criação para ver o que o sistema podia fazer e como ele seria útil”, explicou Berger.

Mudanças no desafio

 Questionado sobre a possibilidade de que os novos sistemas e itens trazidos com o Patch 2.3.0 tornem o jogo muito fácil, Berger reconheceu que a adição de mecânicas diferentes é sempre um desafio. “Algo que você tem que manter em mente é que, com cada patch novo, tentamos dar aos jogadores mais poder, novos itens, atualizar equipamentos antigos”, explicar.
 “Nossos jogadores estão se tornando sempre mais fortes, mas até agora ninguém explorou ao máximo o conteúdo. Sempre há uma Fenda Maior com um nível maior que o seu que está esperando para ser explorada e desafiada. Além disso, com esse patch estamos adicionando os níveis Tormenta de VII a X, então estamos colocando coisas mais difíceis com as quais você pode se desafiar novamente”, afirmou o desenvolvedor.
 “Isso é especialmente importante para jogadores que não querem explorar as Grandes Fendas, nem todo mundo quer fazer isso. Então isso é algo que eles podem fazer para ser desafiados novamente com esse novo nível de poder”, complementou Berger.

Explorando regiões esquecidas

 Para obter o Cubo de Kanai, os jogadores vão ter que explorar a nova área conhecida como “Ruínas de Sescheron”. A localização deve se mostrar familiar para os jogadores de Diablo 2, por mais que ela tenha aparecido de forma rápida no game — essa é fortaleza bárbara que é destruída por Baal na introdução da expansão Lord of Destruction.
 Lá os jogadores vão encontrar o Rei Kanai, que é o guardião do cubo. “É uma boa oportunidade de permitir que você explore os novos conteúdos que adicionamos, uma nova zona e todos os monstros que vamos adicionar nessa área”, explica Berger.
 Segundo ele, a região adicional deve ficar restrita ao Modo Aventura, devido à dificuldade de encaixá-la dentro do modo história de Diablo 3 da maneira como ela é construída. No entanto, isso não impede que a área esteja recheada de novidades sobre a história do jogo, mostrando novos dados sobre os bárbaros e à maneira como eles reagiram à destruição da Worldstone e do Monte Arreat.

Conteúdo também vai chegar aos consoles

 Berger confirmou que as novidades do Patch 2.3.0 também vão chegar aos consoles, embora não exatamente da mesma forma que nos PCs. A principal diferença fica pelo fato de que os sistemas de temporadas não existem nas plataformas de mesa, o que impede a instituição de sistemas como as Jornadas de Temporada.
 Essa nova opção registra seus feitos durante a temporada, sejam eles a conquista de feitos heroicos ou mortes honrosas com personagens do modo hardcore. Quem usar a novidade vai ter acesso a recompensas cosméticas, efeitos de transmogrificação e itens lendários exclusivos.
 Segundo Berger, a Blizzard não definiu uma data certa para o fim da temporada, embora haja a estimativa de que ela deve durar aproximadamente três meses. Durante esse período, a empresa deve continuar trabalhando de forma ativa no desenvolvimento de ajustes e melhorias futuras para Diablo 3.
 Para completar, a companhia também promoveu um corte de preço nas versões digitais de Diablo 3 para PC: a versão básica agora custa R$ 49, enquanto o pacote que acompanha a expansão Reapper of Souls pode ser adquirida por R$ 99. A empresa também vai continuar realizando ações que envolvem outros de seus games, cuja integração vai garantir o acesso a personagens e conteúdos exclusivos variados.

FONTE
Baixaki Jogos

Glaucio K (John ou Twd King) YouTuber, Gamer, Postador, Autor, Criador, Programador e Dev. Status: Solteiro / L Twitter: @glauciokoficial. Face: Gláucio King Whats: sem no momento

Compartilhe e Divulgue o Site! :)

Postagens Relacionadas